URGENTE! Kim Jong-un executa o segundo homem mais poderoso da Coréia do Norte

Por: Bruno Tomé Escritor da News365
Comandante executado era conhecido como o segundo homem mais poderoso da Coreia do Norte

Mundo 14Dezembro2017 14 h 04min

Informações internacionais dão conta de que Kim Jong-Un ordenou a morte de um dos seus altos assessores



Comandante executado era conhecido como o segundo homem mais poderoso da Coreia do Norte
Comandante executado era conhecido como o segundo homem mais poderoso da Coreia do Norte

URGENTE! Kim Jong-un executa o segundo homem mais poderoso da Coréia do Norte

Informações internacionais dão conta de que Kim Jong-Un ordenou a morte de um dos seus altos assessores

Mundo 14Dezembro2017 14 h 04min

Informações internacionais desta quinta-feira (14) dão conta de que o ditador norte-coreano Kim Jong-Un pode ter ordenado a execução de um comandante do exército local, que era conhecido como o segundo homem mais poderoso do país recluso. O general e alto conselheiro do ditador, Hwang Pyong-So, não é visto há meses e conforme novos relatos do país asiático, o homem teria sofrido uma punição por causa de um ato de imprudência. Outras informações ainda dão conta de que a execução também pode ter sido pensada por Kim Jong-Un como uma forma de livrar-se de qualquer ameaça influente do alto escalão. Hwang era general e comandante do departamento político. 

A última fez que o comandante foi visto foi ainda no início de outubro, em um evento de gala. Jornais da Coreia do Sul garantem que ninguém sabe se Hwang está vivo ou morto.rto. Desde que assumiu o poder em 2011, o ditador norte-coreano tirou todo mundo que ele considerava influente o suficiente para derrubá-lo do caminho. Conforme os mesmos relatos, a influência de Hwang poderia estar crescendo, principalmente por conta de seu envolvimento com as forças armadas locais. 

Há ainda a informação do mês de novembro, que Hwang Pyong-So e um deputado, identificado como Kim Won-Hong, haviam sido punidos por conta de imprudência em um dos eventos norte-coreanos. Especialistas da Coreia do Sul garantem que tudo não passa de uma trama para que o ditador consiga eliminar com todos que ele considera uma ameaça. 

O sul-coreanos ainda afirmam que Kim Jong-Un quer reorganizar as forças norte-coreanos, colocando novos líderes que sejam mais confiáveis para ele. Os meios asiáticos ainda não sabem qual exatamente foi a punição. Alguns garantem que os dois homens estão mortos. Já outros, relatam que o general e o deputado podem estar presos em fazendas do governo. Vale contar que o deputado era o antigo Ministro da Segurança, que foi tirado do poder por conta de abuso de poder e de corrupção, descobertas ainda em janeiro. 

Informações internacionais desta quinta-feira (14) dão conta de que o ditador norte-coreano Kim Jong-Un pode ter ordenado a execução de um comandante do exército local, que era conhecido como o segundo homem mais poderoso do país recluso. O general e alto conselheiro do ditador, Hwang Pyong-So, não é visto há meses e conforme novos relatos do país asiático, o homem teria sofrido uma punição por causa de um ato de imprudência. Outras informações ainda dão conta de que a execução também pode ter sido pensada por Kim Jong-Un como uma forma de livrar-se de qualquer ameaça influente do alto escalão. Hwang era general e comandante do departamento político. 

A última fez que o comandante foi visto foi ainda no início de outubro, em um evento de gala. Jornais da Coreia do Sul garantem que ninguém sabe se Hwang está vivo ou morto. Desde que assumiu o poder em 2011, o ditador norte-coreano tirou todo mundo que ele considerava influente o suficiente para derrubá-lo do caminho. Conforme os mesmos relatos, a influência de Hwang poderia estar crescendo, principalmente por conta de seu envolvimento com as forças armadas locais. 

Há ainda a informação do mês de novembro, que Hwang Pyong-So e um deputado, identificado como Kim Won-Hong, haviam sido punidos por conta de imprudência em um dos eventos norte-coreanos. Especialistas da Coreia do Sul garantem que tudo não passa de uma trama para que o ditador consiga eliminar com todos que ele considera uma ameaça. 


Fontes:




© 2017, News 365 todos os direitos reservados.