Órgãos públicos do Amazonas terão concursos com salários entre R$ 1 mil e R$ 14 mil

Por: Bruno Tomé Escritor da News365
Editais ainda não foram lançados, mas as autoridades já fizeram o pedido de novos funcionários
Notícias 17Janeiro2018 20 h 34min

Ao todo, serão 17 mil vagas para posições em repartições como a Polícia Militar, Civil e Ministério Público Federal

Editais ainda não foram lançados, mas as autoridades já fizeram o pedido de novos funcionários
Editais ainda não foram lançados, mas as autoridades já fizeram o pedido de novos funcionários

Órgãos públicos do Amazonas terão concursos com salários entre R$ 1 mil e R$ 14 mil

Ao todo, serão 17 mil vagas para posições em repartições como a Polícia Militar, Civil e Ministério Público Federal

Notícias 17Janeiro2018 20 h 34min

Para quem está desempregado ou já busca uma oportunidade nos diversos concursos que acontecem pelo Brasil, mais oportunidades devem surgir nos próximos meses no Amazonas. Nessa semana, houve a confirmação que logo editais que englobam mais de 17 mil vagas devem ser lançados, para a alegria de muitas pessoas. As posições são para trabalho em repartições importantes, como Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e Ministério Público Federal (MPF). Os salários devem variar entre R$ 1 mil e R$ 14 mil. Já no estado, outras mil vagas já estão abertas em concurso que deve ser realizado para a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Defensoria Público do Estado (DPE), Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM). Além disso, prefeituras como Guajará, Humaitá e Itapiranga também abriram competição para trabalho. 

O vice-governador e secretário de Segurança Público, Bosco Saraiva, confirmou para a imprensa que os concursos públicos para as Polícias Civil e Militar vão ser abertos e acontecem ainda esse ano. No total, vão ser abertas mais de oito mil vagas para as repartições, sendo quase seis mil para a Polícia Militar e o restante para a Polícia Civil. Foi revelado que o Corpo de Bombeiros também estará realizando concurso, no entanto, ainda não se sabe quando e nem qual será o número de novos funcionários. Do outro, um dos órgãos mais concorridos, o Ministério Púbte;blico Federal (MPF) abrirá 842 vagas. Assim que a questão dos Bombeiros for resolvida, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) estará elaborando os editais, com vagas e salários bem fixados. 

Dos concurso já abertos, dois chamam bastante atenção: o para a UFAM e também para a Defensoria Pública do Estado. Para a universidade, 81 vagas para o cargo de professor foram abertas, com salários que variam entre R$3 mil e R$ 9 mil, conforme o regime em que o docente for selecionado. O prazo de inscrição termina no dia 31 de janeiro. Já para a DPE são 25 vagas, com remuneração de R$ 14 mil. No entanto, as inscrições terminam já nesta quarta-feira (17). 

Por outro lado, o Tjam está oferecendo 51 vagas para candidatos que sejam formados em Direito ou que atuem na área há 10 anos. As inscrições vão até o dia 2 de março e a taxa de inscrição custa R$ 250. No interior do estado, três cidades estão com concursos abertos. A que está pagando melhor é a de Itapiranga, com 646 vagas, de ensino fundamental, médio e superior, com salários até R$ 3,5 mil. As inscrições serão encerradas no dia 26 de fevereiro e podem ser feitas no site do Instituto Merkabah. 

Nas outras duas cidades, Humaitá e Guajará, as vagas são de agente comunitário de sáude e agente de combate a endemias. Os cargos pedem ensino fundamental e ensino médio, com salários na faixa de R$ 1 mil. Juntos, os dois municípios disponibilizam 200 cargos. As inscrições encerram no próximo dia 21 de janeiro. Para trabalhar em Humaitá o candidato deve acessr o site multtask.com.br. Já para se inscrever em Guajará, a pessoa deve comparecer na Secretaria de Saúde do município. 

Para quem está desempregado ou já busca uma oportunidade nos diversos concursos que acontecem pelo Brasil, mais oportunidades devem surgir nos próximos meses no Amazonas. Nessa semana, houve a confirmação que logo editais que englobam mais de 17 mil vagas devem ser lançados, para a alegria de muitas pessoas. As posições são para trabalho em repartições importantes, como Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e Ministério Público Federal (MPF). Os salários devem variar entre R$ 1 mil e R$ 14 mil. Já no estado, outras mil vagas já estão abertas em concurso que deve ser realizado para a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Defensoria Público do Estado (DPE), Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM). Além disso, prefeituras como Guajará, Humaitá e Itapiranga também abriram competição para trabalho. 

O vice-governador e secretário de Segurança Público, Bosco Saraiva, confirmou para a imprensa que os concursos públicos para as Polícias Civil e Militar vão ser abertos e acontecem ainda esse ano. No total, vão ser abertas mais de oito mil vagas para as repartições, sendo quase seis mil para a Polícia Militar e o restante para a Polícia Civil. Foi revelado que o Corpo de Bombeiros também estará realizando concurso, no entanto, ainda não se sabe quando e nem qual será o número de novos funcionários. Do outro, um dos órgãos mais concorridos, o Ministério Público Federal (MPF) abrirá 842 vagas. Assim que a questão dos Bombeiros for resolvida, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) estará elaborando os editais, com vagas e salários bem fixados. 

Dos concurso já abertos, dois chamam bastante atenção: o para a UFAM e também para a Defensoria Pública do Estado. Para a universidade, 81 vagas para o cargo de professor foram abertas, com salários que variam entre R$3 mil e R$ 9 mil, conforme o regime em que o docente for selecionado. O prazo de inscrição termina no dia 31 de janeiro. Já para a DPE são 25 vagas, com remuneração de R$ 14 mil. No entanto, as inscrições terminam já nesta quarta-feira (17). 


Fontes:




© 2017, News 365 todos os direitos reservados.